o molho é cremoso, a preparação é rápida, o resultado é fresco – que mais podíamos querer para um jantar? - À Volta das Panelas!

o molho é cremoso, a preparação é rápida, o resultado é fresco – que mais podíamos querer para um jantar?

Uma garrafa de vinho branco não calhava nada mal! De facto, que mais poderíamos pedir quando temos à frente uma massa de salmão com espargos, favinhas e molho de limão? Vinho branco, pois claro. É isso mesmo que vou fazer hoje ao jantar: esta fresquíssima receita do site Taste acompanhada por um ainda mais fresco vinho branco. (Eu até nem queria, minha querida Mulher Mistério, mas como vou precisar de vinho branco para a receita do molho, sempre bebo o resto...)

Para fazer esta maravilha, vou precisar de linguine, espargos verdes cortados em tiras de 4 cm, favinhas pequeninas congeladas (se preferir, pode substituir por edamame), ervilhas tortas cortadas ao meio, azeite, lombos de salmão sem pele nem espinhas, manteiga, alho esmagado, raspas de limão, vinho branco, natas light para cozinhar, endro e sumo de limão espremido no momento. Para saber as quantidades certas de cada ingrediente consulte a receita original aqui.

quick-spring-salmon-pasta-2077-23-23_1980x1320-129

 

Cozinhe a massa al dente em água e sal, seguindo as instruções da embalagem. Dois minutos antes de terminar o tempo, acrescente os espargos, as favinhas e as ervilhas tortas para lhes dar uma cozedura rápida. Escorra tudo.

Enquanto a massa e os vegetais cozem, aqueça o azeite numa frigideira, em lume médio-alto. Acrescente o salmão e cozinhe-o durante cerca de 4 minutos de cada lado até ficar marcado por fora e mal passado por dentro. Deixe repousar durante um a dois minutos e divida-o em lascas.

Derreta a manteiga na mesma frigideira e salteie o alho durante 30 segundos. Quando começar a ficar aromático, junte o vinho branco e as raspas de limão. Deixe ferver durante cerca de dois minutos, adicione as natas e, mal levantar fervura, envolva a massa, os vegetais e o endro picado. Assim que estiver tudo quente e ao seu gosto, sirva com o sumo de limão e as lascas de salmão misturadas e mais umas raspas de limão espalhadas por cima.

Ah, não se esqueça do resto do vinho branco para acompanhar, claro! E se não sobrar muito, se calhar o melhor é abrir outra garrafa...

 

Uma óptima massa para si onde quer que o vinho branco esteja,

Ele

 

receita e foto: taste

 

Powered by Blogger.