Skip to main content

Brigadeiros LowCarb, Paleo e Vegan [Sem Glúten, Sem Lacticínios]

Uma das sobremesas que eu mais gostava quando não era Paleo, eram os Brigadeiros… Aquela textura cremosa e o sabor intenso a chocolate deixavam-me nas “nuvens”. Contudo, quando mudei de estilo de vida, claro que tive de adaptar a receita e fazer uns que fossem saudáveis. Estes brigadeiros são deliciosooos e não são enjoativos. Aqui por casa ficamos maravilhados. E o melhor de tudo é que são Paleo e só levam 4 ingredientes!

FÓRMULA MÁGICA

ATENÇÃO: Quando fizerem as minhas receitas e partilharem nas redes sociais, COLOQUEM O LINK DA RECEITA.  É PROIBIDO partilhar “PRINTS” (ou cópias do texto) das minhas receitas nas REDES SOCIAIS, pois ao fazê-lo estão a PREJUDICAR todo o meu trabalho.  PARTILHEM APENAS O LINK. Se quiserem, podem colocar o meu nome (Suzana Cardoso).

Ingredientes

  • 200 ml Leite de Coco
  • 2 colheres de sopa de Cacau Puro em Pó
  • 2 colheres de sopa de Açúcar de Coco (ou Xilitol para versão LOW CARB)
  • 50g Amêndoa Moída

Como a Magia Acontece

1. Coloque o leite de coco numa panela e leve ao fogão, a lume médio.

2. Quando ferver, baixe a temperatura. Adicione o açúcar de coco (ou o xilitol) e mexa com vara de arames.

3. Acrescente o cacau puro em pó e misture bem.

4. Por fim, junte a amêndoa moída, mexendo sempre com a vara de arames até engrossar (durante cerca de 20 minutos). Certifique-se que a temperatura do fogão está baixa.

5. Deixe arrefecer e leve ao frigorífico até solificar para que seja mais fácil moldar.

6. Molde as bolinhas e se necessário humedeça as mãos com água para facilitar o processo. Pode depois passar os brigadeiros por cacau em pó, coco ralado ou até amêndoas/nozes moídas.

7. Delicie-se!

Pode também ver o modo de confeção no vídeo abaixo (receita já está no canal desde 2017). Se gostar dos meus vídeos, deixe o seu “Gosto” e clique em “Subscrever” o meu canal.

Inspiração para esta receita: https://ift.tt/2RqSmRE

Partilhar

Comments

Popular posts from this blog

RECEITA DE MOLOTOF DE CARAMELO

Ingredientes: 5 claras 5 colheres de sopa de açúcar Caramelo líquido q.b. Preparação: Numa tigela bata as claras em castelo até ficar bem firmes. De seguida, junte o açucar e o caramelo. Bata mais um pouco. Unte a forma com caramelo e deite o preparado anterior. Leve ao forno a 180º entre 7 a 10 minutos. Retire e desenforme. Nota: Não abra o forno enquanto a cozedura. Deixe arrafecer o molotofe dentro do forno. Bom Apetite!! Fonte:

Bolo de Abóbora da Clara de Sousa....é uma maravilha!

Ingredientes:  4 ovos 70 g de margarina 350 g de açúcar 600 g de abóbora 120 g de farinha 120 g de farinha maisena 75 g de coco ralado 1 c. (de sobremesa) de fermento em pó Preparação:  Corte a abóbora em pedaços e leve a cozer em água. Coloque a polpa sobre um coador para perder toda a água da cozedura. Calque um pouco se necessário. Depois de escorrida deve ficar com aproximadamente 320 a 350 g. Bata as gemas com a margarina até ficar cremoso. Acrescente um a um os outros ingredientes, abóbora, açúcar, farinha de trigo, farinha maisena, coco ralado e fermento em pó. Por fim, junte as claras batidas em castelo. Unte e enfarinhe uma forma de buraco grande. Leve ao forno pré-aquecido a 180º C durante 40 a 45 minutos. Deixe arrefecer um pouco e desenforme.

Bolo de ananás formidável... bem fofinho e húmido

Ingredientes 1 lata de ananás das grandes 2 chávenas de chá de farinha 2 chávenas de açúcar 7 ovos 1 colher de café de fermento em pó Caramelo líquido q.b. 1. Ligue o forno a 180ºC. 2. Separe as gemas das claras e bata as claras em castelo com um pitada de sal. 3. Bata as gemas com o açúcar até obter uma massa homogénea e de seguida verta a calda do ananás. 4. Peneire a farinha e o fermento e junte ao preparado das gemas. 5. Por fim envolva as claras em castelo com gentileza. 6. Unte uma forma de chaminé com o caramelo e forre-a com as rodelas de ananás. 7. Se lhe sobrar ananás, corte aos pedacinhos e adicione à massa. 8. Leve o bolo ao forno por cerca de 35 a 50 minutos, vá verificando com o palito, não deixe cozer demais para não ficar seco. 9. Desenforme quente.  Fonte original todos os direitos reservados a:  http://desastresculinarios.blogspot.com