risotto de camarão e vieiras bem cremoso para não irritarmos o chef ljubomir - À Volta das Panelas!

risotto de camarão e vieiras bem cremoso para não irritarmos o chef ljubomir

Confesso que o último episódio de Hell's Kitchen me abriu o apetite. Apesar de ter visto uma candidata a chef a cozinhar um risotto com a panela tapada, fiquei com vontade de fazer uma maravilha destas para o jantar. Não com a panela tapada, como a cozinheira do Hell's Kitchen, mas seguindo esta deliciosa receita da espectacular revista Olive Magazine.

Para o risotto de hoje, vou precisar de arroz arbório ou carnaroli, manteiga, chalotas picadas, caldo de peixe, camarões grandes descascados, raspas e sumo de limão, mascarpone, vieiras, cebolinho picado e manjericão picado. Eu também vou usar um copo de vinho branco para dar mais sabor ao arroz. Para saber as quantidades certas de cada ingrediente, consulte a receita original aqui.

19443.jpeg

 

Tal como diz Ljubomir Stanisic, o segredo para um risotto delicioso está no caldo onde vai cozer o arroz e no tempo de cozedura. O caldo rico e aromático vai dar o sabor base do risotto, o tempo de cozedura vai dar-lhe aquela textura única que consegue combinar como mais nenhum prato o arroz suculento al dente com o molho cremoso.

Depois de fazer o seu caldo de peixe (também pode fazer um caldo com as cascas e as cabeças dos camarões), derreta a manteiga, numa panela grossa de ferro fundido. Acrescente as chalotas picadas e deixe aloirar. Misture o arroz e envolva-o bem na manteiga. Se quiser seguir o meu conselho, coloque depois um copo de vinho branco e vá mexendo até evaporar.

Se preferir seguir a receita à risca, salte o vinho e passe para o passo seguinte, colocando o caldo aos poucos (cerca de 200 ml de cada vez, só até cobrir o arroz) e mexendo. À medida que o caldo for evaporando, adicione mais, sempre sem parar de mexer. 

Quando o arroz começar a ficar al dente, adicione os camarões, acerte os temperos e junte as raspas e o sumo de limão. Quando os camarões estiverem no ponto, termine envolvendo o mascarpone. Se gostar, também pode misturar um pouco de queijo parmesão ralado que não lhe faz mal nenhum.

Termine salteando as vieiras num pouco de manteiga e servindo-as por cima do risotto, com o respectivo molho. Finalize com o cebolinho e o manjericão picados. Com uma maravilha destas, o chef Ljubomir nem pestaneja.

 

Um óptimo risotto para si onde quer que o Ljubomir Stanisic esteja,

Ele

 

receita e foto: olive magazine

 

Powered by Blogger.